Verão italiano: sorvete solidário chega às crianças carentes

0

Roma (RV) – Da Ligúria à Sardenha, da Lombardia à Sicília, são 105 as sorveterias e bares italianos que aderiram oficialmente à iniciativa da Associação ‘Salvamamme’. A ideia é deixar ‘pendente um sorvete’, isto é, já pago para ser destinado às crianças com pais cheios de amor, mas com bolsos atualmente vazios.

A presidente da entidade, Maria Grazia Passeri, disse que a operação já fugiu do controle, “tal foi o contágio positivo em toda a Itália. Dezenas são as sorveterias que não foram inscritas, mas que informalmente ficamos sabendo da adesão. É isso que queríamos, uma rede de solidariedade que continua constantemente viajando pelos tags e hashtags das redes sociais”. Passeri ainda deu um conselho: “Não esperem de encontrar um sorveteria aderente na sua região, imprimam os cartazes e proponham pessoalmente às sorveterias perto da casa de vocês. Basta somente um clique!”.

Ao final da campanha, no caso de sobrar ‘sorvetes pendentes’, a Associação aconselha de não devolver o dinheiro, mas de doar sorvetes às casas de famílias, asilos, abrigos para menores em dificuldade, enaltecendo o projeto que é transparente e desinteressado financeiramente. (AC)