Papa Francisco a caminho dos Estados Unidos

0

Ao despedir-se de Cuba disse:

“Saúdo-vos e agradeço-vos… Os cubamos são realmente cordiais, gentis e fazem sentir em casa. Muito obrigado.

Gostaria de dizer uma palavra de esperança. Uma palavra de esperança que nos leva a virar a cabeça para traz e para frente.

Uma palavra de esperança que olha para trás e para frente. Olhando para trás, memória, memória daqueles que nos trouxeram a vida e de modo especial os avós. Uma grande saudação aos avós….

Não se discute, os avós são a nossa memória viva. E olhando para a frente, as crianças e os jovens são a força de um povo. Um povo que cuida dos seus avós e das suas crianças e jovens tem o triunfo assegurado.

Que Deus vos abençoe. Permitais que vos dê a benção. Mas a uma condição: tendes de pagar ainda qualquer coisa a mais…. Peço-vos para rezardes por mim. Esta é a condição.

E o Papa deu a sua benção, dizendo depois “até à vista e obrigado”.

(DA)