Papa abre Porta Santa da Caridade em albergue da Caritas

0

Jesus está na humildade, reiterou o Papa Francisco nesta sexta-feira, 18, ao abrir a “Porta Santa da Caridade” em um albergue da Cáritas em Roma, onde também celebrou a Santa Missa.

Na homilia, Francisco lembrou que Deus vem trazer a salvação e, ao enviar o Seu Filho, não escolheu o luxo, não quis por mãe uma princesa, mas fez tudo muito simples, praticamente escondido. “Assim é Deus entre nós. Se você quer encontrar Deus, procure-O na humildade, procure-O na pobreza, procure-O onde Ele está escondido, nos necessitados, nos mais necessitados, nos doentes, nos famintos, nos presos”.

ano-misericordia-noticiasO Santo Padre também enfatizou, como já fez em outras ocasiões, que a entrada no céu não pode ser paga com dinheiro. Na hora do juízo final, disse, Deus não vai olhar para os grandes títulos acadêmicos nem para a quantidade de esmola dada, mas sim para o cumprimento das bem-aventuranças que Ele ensinou, como relata o Evangelho de Mateus.

“O amor de Jesus é grande, por isso, ao abrir essa Porta Santa, eu gostaria que o Espírito Santo abrisse o coração de todos os romanos e os fizesse ver qual é o caminho da salvação. Não há luxo, não há o caminho das grandes riquezas, não há o caminho do poder, mas o caminho da humildade”, afirmou.

Francisco abre "Porta Santa da Caridade" no albergue da Cáritas romana / Foto: Reprodução CTVFrancisco abre “Porta Santa da Caridade” no albergue da Cáritas romana / Foto: Reprodução CTV

Ao abrir a Porta Santa no albergue, Francisco fez dois pedidos: que também sejam abertas as portas do coração das pessoas e que elas entendam que o caminho da vaidade e do orgulho não são caminhos de salvação. Para aproximar-se dessas graças concedidas por Deus, finalizou, é preciso aproximar-se justamente dos descartados pela sociedade.

A cerimônia presidida pelo Santo Padre hoje foi o primeiro dos gestos simbólicos que Francisco deve realizar às sextas-feiras durante o Jubileu da Misericórdia.