Cartas de Agradecimento – 20-07-2016

0

Venho por meio desta carta agradecer mais uma graça recebida por intermédio de Nossa senhora do Perpétuo Socorro. No dia 09 de dezembro de 2015, sofri um acidente de moto na BR próximo a Campo Grande- Mato Grosso do Sul, quebrei minha clavícula e o pé, então pensei que seria somente essas fraturas que haveria de superar, mas no natal de 2015, algo aconteceu que desesperou a mim e minha família. Acordei na manhã natalina me locomovendo com auxílio de cadeiras de rodas. Com minha mãe sempre ao meu lado, estava com uma tosse persistente que naquela hora evoluiu para tosse seguida de sangue. Entrei em pânico, meus pais me colocaram com muita dificuldade no carro e viemos ao pronto socorro mais próximo, meu coração sempre pedindo a nossa senhora que me ajudasse que não me abandonasse naquele momento tão assustador. Ao me examinar, o médicodisse que devido ao acidente eu estava com um hematoma no pulmão, mas que com tratamento poderia ir para casa. Retornei para casa com acerteza de que foi o auxílio da nossa mãezinha, que não permitiu  aquele quadro fosse mais grave, que hoje estou bem, minhas fraturas consolidadas e meu pulmão em ótimo funcionamento. Desde então, frequento as novenas de nossa senhora do Perpétuo Socorro sempre que posso, como forma de agradecimento. Tenho certeza que foi a nossa mãezinha que intercedeu por mim.

 

De uma devota, eternamente agradecida.

 

Venho por meio desta carta, agradecer a intercessão de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro.Ainda nos primeiros meses de 2015, minha irmã descobriu que estava grávida de seu primeiro filho, uma gravidez planejada e muito desejada. Após a alegria da notícia, vieram às preocupações. No início da gestação, ela apresentou descolamento de placenta, sangramentos equase perdeu o bebê. Desde então, sabemos que seria uma gestação de risco. Com seis meses de gestação, após passar por uma dessas situações de stress no trabalho, ela teve contrações e dilatação e precisou ser internada de urgência. O bebê já estava quase nascendo. A médica interviu rapidamente, para tentar segurar mais um pouco a gestação. Após o procedimento, foram dias de repouso absoluto. Passaram-se três dias, quando ela apresentou perda de líquido e a médica resolveu fazer uma cesariana de urgência. Antes da cirurgia, nossa família, rezou muito. O bebê nasceu prematuro. A equipe médica estava desacreditada que ele sobreviveria. Nesse momento, ainda dentro do centro cirúrgico pedi para Mãezinha do Perpétuo Socorro tomar meu sobrinho nos braços. Comecei a frequentar as novenas, toda quarta-feira. Ele ficou na UTI. Foramdias de angústia e sofrimento.Foram 145 longos dias de internação, pedindo vida em abundância para o nosso pequeno guerreio. Então, no dia 5 de janeiro de 2016, finalmente ele recebeu alta. Hoje, ele está com7 meses de vida, crescendo e recebendo todo o amor e carinho de sua família. Agradeço a Deus e a Mãe do Perpétuo Socorro, pela vida deste pequeno guerreiro.

De uma devota, eternamente agradecida.

 

 

 

Venho através desta carta, agradecer a minha querida Mãe do Perpétuo Socorro por tantas graças recebidas desde que comecei a frequentar as novenas aqui no Santuário, em Agosto de 2012. Naquele momento, vim agradecer um pedido que fiz através de uma cartinha escrita para Deus em 2011, de um sonho que tinha e consegui realizar. A partir daí, não deixei mais de ir, sendo que, em Agosto deste ano, irá completar 4 anos que venho todas as quartas à novena. No início era somente eu, mas hoje meu esposo e meu casal de filhos também participam e nossa família já recebeu como eu disse muitas graças. Uma delas, foi a cura de um câncer de mama que tive em 2013, com 36 anos. A cada procedimento que eu era submetida, eu pedia à ela com toda minha fé para que fosse curada e minha mãezinha estava sempre ali me amparando e protegendo. Passei por tudo com muita força e fé, foramseis meses de tratamento, com minha família ao meu lado. Tenho certeza que tudo foi encaminhado por Deus, porque somente ele sabe de todas as coisas, só ele tem o livro da vida, me trazendo para os braços da mãe, sabendo de tudo que eu iria passar. Em fevereiro de 2014, meu médico me disse: “Você está curada, pode seguir com sua vida normal”. Hoje só agradeço a Deus, Jesus e Maria por tudo de bom que tem me acontecido, desde que, eu e minha família começamos a frequentar as novenas. No mês de Julho, fui tocada por Jesus para participar do Cerco de Jericó, que há algum tempo vinha tentando vir, mas tudo é no tempo de Deus e esse tempo chegou para mim. Nós conseguimos participar dos sete dias sem falhas e com muita fé, o que me deixou ainda mais feliz e agradecida, pois, recebi o convite através de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, na novena. Por todas essas graças alcançadas, estou aqui para agradecer e glorificar a Deus e Nossa Senhora.

 

De uma devota, eternamente agradecida.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Venho por meio desta carta, agradecer a intercessão de Nossa Senhora do Perpétuo Socorropor uma graça recebida. Eu e meu esposo ficamos desempregados no ano passado, ainda não conhecia as novenas, mas uma das minhas irmãs, que sempre frequentou me convidou para participar. Demorei um pouco para vir, mas já na primeira novena que participei me apaixonei. Fiquei encantada com tudo, desde a igreja que não conhecia até a fé dos devotos. Apesar de frequentar a missa nos domingos, novena eu nunca tinha feito. Então, resolvi que iria participar, esperei uma nova série, pois queria fazer tudo certinho. Já na quarta novena, um dos meus pedidos foi atendido, meu esposo arranjou um novo emprego e estava em nova função. Mas, ainda faltava um pedido para realizar, eu também precisava de um novo emprego, mesmo assim não desanimei e pedia com fervor todas as novenas. Terminei as nove semanas e comecei outra, agradecendo pelo meu esposo e pedindo por mim. Na quinta série, da segunda novena que estava participando, consegui alcançar a graça que pedia, finalmente eu estava empregada. Só tenho a agradecer a minha mãezinha, que me recebeu de braços abertos e atendeu meus pedidos.

 

De uma devota, eternamente agradecida.