Cartas de Agradecimento 29-03-2017

0

Sou Policial Militar, e devido a um incidente em serviço, fui vítima de um tiro no pescoço que afetou a coluna cervical e quase me deixou paraplégico.

Graças a minha fé em Jesus Cristo e Nossa Senhora não fiquei com nenhuma sequela por 20 anos.

Após estes anos, começaram a aparecer limitações em meus movimentos. Sempre fui católico, temente a Deus e a Nossa Senhora e nesse momento comecei a frequentar o Santuário Nossa Senhora do Perpétuo Socorro; tornei-me devoto e passei a rogar pela intercessão da Santa Mãezinha pela reestruturação de minha saúde e também pela aposentadoria, uma vez que a situação em que me encontrava era consequência de fato ocorrido no trabalho.

Após quase 2 anos de incertezas e passar por várias perícias médicas, obtive a graça pedida a Santa Mãe.

De um devoto eternamente agradecido.

 

Querida Mãezinha do Perpétuo Socorro, venho por meio desta, agradecer pela bênção concedida em minha vida.

Sofri um aborto espontâneo em 2013, perdi o bebê com 3 meses de gestação. Na ocasião descobri que tinha trombofilia, doença que afeta diretamente o sangue, proporcionando abortos em sequência.

Iniciei o tratamento e após 2 anos descobri que estava grávida; fiquei mais preocupada do que feliz, porém continuei o tratamento que incluía injeções diárias, remédios de custo muito elevado. Como era uma gestação de alto risco, fui hospitalizada por 3 vezes, a última com paralisia de Bell (paralisia fácil). Foi um período de muita preocupação, porém fiz várias Novenas a Nossa Senhora do Perpétuo Socorro e também participei de Missas do Santíssimo.

Após a conclusão da gestação, meu filho nasceu com algumas complicações, no entanto foram superadas e hoje ele está forte.Só tenho a agradecer a Deus e a Nossa Senhora do Perpétuo Socorro. Ainda não venci a batalha, mas um dia vencerei com fé em Nossa Senhora. Obrigada por tudo Mãezinha.

 

De uma devota eternamente agradecida.

Venho através desta, dar meu testemunho de uma graça alcançada.

Meu filho foi estudar no exterior, entrou no Canadá com visto de turista aguardando seu visto de estudante que estava prestes a ser emitido, uma vez que havia encaminhado há algum tempo.

Mesmo estando sem nenhuma restrição passou o tempo, iniciaram-se as aulas e o visto não saía, ele teria que retornar ao Brasil e só iniciaria o curso no semestre seguinte, mesmo estando com apartamento alugado e várias mensalidades da faculdade pagas.

Naquele momento pedi ao Pai em nome de Jesus e pela intercessão de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro que nos brindasse com esta graça.

No dia seguinte chegou a solução. A imigração solicitou exames médicos, pois era a última providência que faltava e a faculdade liberou a permanência dele no curso até chegar o visto de estudante.

De um devoto eternamente agradecido.

Venho por meio desta carta, agradecer a Nossa Senhora do Perpétuo Socorro que me auxiliou em um momento de angústia e aflição pelo qual passei recentemente.Em um exame de rotina foi descoberto um nódulo na mama, que, a princípio não era nada grave.

Tempos depois esse nódulo cresceu e, de acordo com o médico, por ter mudado sua característica, teria que ser realizado um exame mais preciso, pela suspeita de ser maligno.

Recorri a minha Querida Mãe Nossa Senhora do Perpétuo Socorro pedindo humildemente para que ela intercedesse pela minha situação, me desse o amparo necessário e aguardasse calmamente o resultado do exame e ainda, que se fosse da vontade de Deus, que não tivesse nenhuma doença.

No início de março obtive o resultado do exame em que consta ausência de malignidade.

Diante de tudo isso, com muita felicidade e gratidão, venho testemunhar a graça recebida e a lição que obtive ao exercer minha fé com mais profundidade. Também, alertar as mulheres para que não deixemos de fazer os exames de rotina, pois são medidas preventivas que fazem a diferença para o diagnóstico e tratamento eficazes.

 

De uma devota eternamente agradecida.