Cartas de Agradecimento 19-09-2018

0

Venho por meio desta carta, falar sobre o grande amor que Nossa Senhora do Perpétuo Socorro tem por mim.

Fiz o concurso público da Prefeitura Municipal de Campo Grande em 2016 e graças ao amor que Ela tem por mim, fui aprovada, porém não fui chamada.

Em 2018 logo no início do ano descobri que estava grávida. Senti-me sem rumo, não sabia como iria administrar essa descoberta. Contudo, o amor de Deus e de Nossa Senhora são tão grandiosos que me ampararam e me mostraram que eu não estava só.

No fim de março fui chamada para assumir o concurso. Hoje só posso agradecer e dizer que Deus nunca me abandonou. Agradeço o amor da Mãezinha por seus devotos e por eu poder ser mãe. Minha homenagem é dar o nome de minha filha de Maria Júlia.

De uma devota eternamente agradecida.

Por meio desta carta, venho agradecer a intercessão da Mãe do Perpétuo Socorro na gestação da minha esposa, sonho nosso.

Há quatro anos ela teve uma gestação ectópica. Naquela ocasião passamos por maus momentos.

Passados três anos com muita oração e seguindo as novenas de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, minha esposa está na sua décima nona semana de gestação, com muita saúde. Vai ser menino e seu nome será Gabriel.

De um devoto eternamente agradecido.

Minha querida Mãe, Nossa Senhora do Perpétuo Socorro!

Venho por meio desta carta, agradecer a Senhora Mãezinha querida pelo milagre que fez na minha vida.

Minha filha encontrava-se muito enferma em um país distante (Espanha). No momento de aflição em que me encontrava, recorri a Senhora, prontificando-me a fazer a novena das nove quartas-feiras.

Na segunda semana da novena, milagrosamente, fui atendida. Minha filha recuperou-se da febre alta e retornou para Campo Grande, onde residimos; realizou uma cirurgia e restabeleceu-se totalmente.

Mãezinha, sou eternamente grata a Senhora, minha Santíssima Senhora do Perpétuo Socorro.

De uma devota eternamente agradecida.

Residimos no Município de Amambai-MS e viemos ao Santuário de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro para agradecer pela graça alcançada.

Em setembro/2014, realizando exames de rotina, meu filho apresentou alterações nas plaquetas e não havia sintomas. Viemos a Campo Grande em consulta com especialista, o qual iniciou a investigação. A cada mês retornávamos para apresentação de exames.

Apesar dos resultados não apresentarem nenhuma doença, a investigação médica continuava e nossa angústia aumentava. Durou cerca de um ano e meio.

Numa tarde, após a saída do consultório médico, viemos a este Santuário e aos prantos nos colocamos diante de Nossa Senhora, pedindo sua intercessão para que o livrasse de enfermidades.

Por fim, o médico disse que nunca viu caso semelhante e não soube explicar tal fato, nenhuma doença foi diagnosticada.

Meu filho realiza exames de rotina para acompanhamento. Hoje as plaquetas estão normalizadas.

Cheia de confiança no amparo e proteção de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, depositei toda a minha esperança de que não seria desassistida por Ela. Clamei, entreguei e descansei no seu colo e a graça foi concedida! Esta não é a primeira graça alcançada.

De uma devota eternamente agradecida.