Santuário Estadual Nossa Senhora do Perpétuo Socorro completa 80 anos de Paróquia

0

O Santuário Estadual Nossa Senhora do Perpétuo Socorro celebra duas datas importantes neste mês de janeiro: 80 anos da criação da Paróquia e 20 anos de elevação de Igreja à Santuário.

A Paróquia foi criada em 2 de janeiro de 1939, fundada pelo então Bispo de Corumbá, Dom Vicente Priante, ficando sob os cuidados da Congregação do Santíssimo Redentor dos Missionários Redentoristas, para atender à população de toda a região acima do rio que dividia Campo Grande.

No promissor bairro Amambaí, ainda pouco desenvolvido naquela época, teve início a paróquia. As missas eram celebradas em uma residência no bairro. Até que no ano seguinte deu-se início a construção da igreja.

O templo começou a ser construído em 1940 e concretizado em 1941. Essa mesma igreja que recebe até hoje milhares de devotos. A construção da igreja foi fundamental para o desenvolvimento da região e influenciou no arruamento do bairro.

Anos foram se passando e no local foi construída uma história de fé e devoção. Como o local passou a receber milhares de fiéis todas as semanas, vindas de várias regiões de Campo Grande e até mesmo de outras cidades e estados, no dia 10 de janeiro de 1999 foi publicado o decreto elevando a igreja à Santuário.

O documento foi publicado pelo então Arcebispo de Campo Grande, Dom Vitório Pavanello,  motivado pelas tradicionais novenas que acontecem todas as quartas-feiras.

Nesses 80 anos, famílias inteiras receberam inúmeras bênçãos. A devoção por Nossa Senhora do Perpétuo Socorro se espalhou por todo Estado. Nossa Senhora do Perpétuo Socorro foi instituída a “Padroeira de Mato Grosso do Sul”, no dia 27 de dezembro de 2017. São aproximadamente 30 mil pessoas que passam pela igreja semanalmente.