Cartas de Agradecimento 28-08-2019

0

Venho por meio desta carta, agradecer a Mãezinha por mais uma graça alcançada.

Meu esposo é carreteiro e no dia 3 de julho chegou de viagem foi até a empresa para cumprir com sua rotina. Depois de um longo dia de trabalho, seu gerente informou que ele teria que ficar três meses afastado de suas atividades por ter ultrapassado a velocidade permitida. Muito triste e nervoso, chegou contando para nossa família o ocorrido; afirmava ter tomado o devido cuidado para que não acontecesse o que lhe foi informado.

Com muita fé, pedi a Nossa Senhora do Perpétuo Socorro para que intercedesse por meu esposo e acalmasse o seu coração. No outro dia, ainda nervoso, ele foi à empresa chamado para uma reunião. Informaram-lhe que o tacógrafo (aparelho que monitora a velocidade desenvolvida pelo caminhão) não havia passado por uma análise e então foi comprovado que o equipamento estava com defeito e que meu esposo poderia continuar normalmente em suas atividades.

Obrigada Mãezinha por nunca desamparar a mim e a minha família.

 

De uma devota eternamente agradecida.

 

Querida Mãe do Perpétuo Socorro! Frequento esta Paróquia há mais de trinta anos. É com imensa alegria que escrevo esta carta, para dar meu testemunho de agradecimento, pois já tenho recebido muitas graças.

Meu neto depois de se formar em uma faculdade, fazer sete anos de estágio, não estava conseguindo encontrar trabalho. Ele vivia muito triste e deprimido.

Preocupada com a situação, comecei a fazer uma novena, pedindo ajuda a Nossa Senhora, para que Ela intercedesse junto ao seu Filho Jesus em favor do meu neto.  Com muita fé e confiança, fiz da primeira a quarta novena sem desanimar, sempre acreditando que seria atendida. Na quinta novena recebi a grande graça! Meu neto foi chamado por duas empresas para trabalhar.

Obrigada Mãezinha!

 

De uma devota eternamente agradecida.

 

Meu irmão é usuário de bebida alcoólica há mais de quarenta anos. Quando fica bêbado, torna-se uma pessoa agressiva, incomoda pessoas na rua, vizinhos e causa sofrimento para os parentes. Por isso, nunca levo pessoas de fora lá em casa.

Este foi um dos motivos para eu sair de casa. Já o internamos duas vezes em hospital, tentamos levá-lo a reuniões dos Alcoólicos Anônimos, porém ele não quis ir. Minha irmã conseguiu uma vaga numa chácara para recuperação. Ele ficou lá apenas um dia, disse que gostou, entretanto decidiu retornar para casa.

Apesar de todas essas adversidades, não perdi a fé em Deus e em Nossa Senhora. Continuei rezando por ele nas missas e nas novenas de quarta-feira.

Faz aproximadamente oito meses que ele não faz uso de bebida alcoólica, não incomoda vizinhos nem parentes.

Do fundo do meu coração, agradeço a Nossa Senhora por ter ouvido minhas preces e ter intercedido pela cura do meu irmão.

Muito obrigado Mãezinha querida.

 

De um devoto eternamente agradecido.

 

Venho por meio desta carta, agradecer a Mãe do Perpétuo Socorro por mais uma graça recebida pela Sua intercessão.

Em janeiro deste ano, comecei a me preparar para realizar a prova do exame da Ordem dos Advogados do Brasil, prova muito temida pelos bacharéis do curso de Direito, por seu nível de dificuldade e o grande índice de reprovação.

A aprovação era um sonho que passei a buscar com muita fé e muita garra, pois só poderia exercer a profissão a qual escolhi, após passar no exame. Entreguei nas mãos da Mãezinha do Perpétuo Socorro e sempre pedia, com muita fé, para que Ela intercedesse por mim.

Em março deste ano realizei a primeira fase da prova, fui aprovada e estava apta para a segunda fase. Mais uma vez entreguei nas mãos da Mãezinha e pedi para que Ela me abençoasse.

Em maio deste ano, fiz a segunda fase e para minha alegria e da minha família, fui aprovada! Hoje me sinto realizada, finalmente “advogada”! Obrigada Deus por me permitir a ser um instrumento da justiça. Muito obrigada Mãezinha do Perpétuo Socorro pela graça alcançada.

 

 

 

De uma devota eternamente agradecida.