Jubileu 150 anos – Redentoristas saem fortalecidos de Encontro internacional em Curitiba

0

Por ocasião do tríduo (2015-2017) de comemorações dos 150 anos da entrega do Ícone da Mãe do Perpétuo Socorro pelo Papa Pio IX aos Missionários Redentoristas, entre os dias 18 e 21 de agosto de 2015 irmãos e padres da Congregação do Santíssimo Redentor, representantes de Unidades da Conferência da América Latina e Caribe, reuniram-se em Curitiba, estado do Paraná, Brasil, para preparar e animar atividades em todos os países relacionadas às celebrações do jubileu, e ainda, fortalecer e expandir a devoção para toda a América Latina e Caribe. Esta cidade escolhida abriga um Santuário dedicado à devoção, que recebe em média 35 mil pessoas todas as quartas-feiras, em 17 horários de Novenas.

O Encontro contou com a presença de 41 redentoristas, entre eles o Superior Geral da Congregação, Padre Michael Brehl, o Vigário Geral, Padre Enrique Lopez, o coordenador da Conferência da América Latina e Caribe, Padre Manuel Rodriguez, o Provincial de São Paulo e presidente da União Redentorista do Brasil (URB), Padre Rogério Gomes e o Provincial de Campo Grande, Padre Henrique Lima, que fez a abertura do evento, recebendo a todos com alegria.

Os Missionários Redentoristas saem deste encontro fortalecidos e certos do objetivo geral de continuarem o mandato do Papa Pio IX em relação ao Ícone de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro (“façam-na conhecida pelo mundo inteiro”), como parte de sua vida apostólica, anunciando a mensagem do Cristo Redentor a todos os homens e mulheres, especialmente os que estão nas periferias existenciais do mundo.

De maneira específica, os Redentoristas pretendem seguir alguns passos levantados durante os trabalhos em Curitiba, com ênfase para os campos de ação: Novenas, retiros e missões populares. São eles:

  1. Manter sempre a centralidade de Jesus nas celebrações de devoção a Maria, destacando sempre a importância dela na história da salvação;
  2. Atualizar a profunda espiritualidade e teologia da redenção, que engloba a misericórdia, a esperança e a alegria, sempre incluindo-a na mensagem do Ícone;
  3. Evangelizar a partir da devoção, fazendo-se discípulos missionários;
  4. Dar continuidade para celebrar também após as comemorações deste jubileu; aprofundar a teologia e a espiritualidade do Ícone, para animar a missão da nossa Conferência, Subconferências e Unidades;
  5. Fortalecer e ampliar a dimensão social do Ícone, assegurando que não fique apenas na mera devoção, sem ação.

O encontro foi muito bem avaliado por todos os missionários redentoristas presentes, e o Superior Geral, Padre Brehl, agradeceu a Província de Campo Grande e a União dos Redentoristas do Brasil (URB) pela acolhida e pelo empenho em realizar este Encontro, que contribui com as comemorações jubilares e para reforçar a difusão desta devoção. Os participantes saíram fortalecidos pela devoção e espiritualidade profunda e sagrada contida no Ícone.

 

Padre Joaquim Parron, CSsR

Ana Paula R. Ferreira, jornalista