Lideranças de Erechim discutem Documento 100 da CNBB

0
Cerca de 500 lideranças das comunidades das sete paróquias de Erechim (RS) participaram de um Encontro de Formação, realizado em 1º de julho, no salão comunitário São Cristóvão da paróquia e do bairro do mesmo nome, e discutiram o Documento 100 da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), “Comunidade de comunidades: uma nova paróquia”.

Antes das reflexões, o bispo diocesano, dom José Gislon, motivou os participantes a acompanharem um vídeo sobre o Concílio Vaticano II.

Em seguida, dom Gislon expôs o Documento 100 da CNBB e falou sobre o processo de redação do texto, fortemente inspirado no Documento de Aparecida; nos pronunciamentos do papa Francisco por ocasião da Jornada Mundial da Juventude (JMJ) 2013, no Rio de Janeiro; e na exortação apostólica “Alegria do Evangelho”.

O bispo explicou ainda a natureza da paróquia e seus três tipos: uma paróquia centrada no padre; em trabalhos pastorais e movimentos; ou uma comunidade de comunidades. Dom Gislon ainda transmitiu uma visão geral sobre cada um dos seis capítulos da publicação antes de apresentar as cinco urgências pastorais das Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil (DGAE) para o período 2015-2019 e suas perspectivas de ação.

O bispo presidiu a missa de encerramento do encontro. Em sua homilia, ressaltou o serviço dos participantes em suas comunidades e a dedicação à formação pessoal.

Com informações da diocese de Erechim