Santuário Nossa Senhora do Perpétuo Socorro - MS

Notícias, Santuário › 17/07/2020

Missas da Solenidade do Santíssimo Redentor terão oração do Papa pelo fim da pandemia

Neste sábado e domingo (18 e 19 de julho), as missas no Santuário em homenagem à Solenidade do Santíssimo Redentor contarão com a oração pelo fim da pandemia do novo coronavírus, usada pelo Santo Padre Francisco.

O texto da oração foi rezado pelo Papa no dia 27 de março de 2020, no Momento de Oração presidido na Praça de São Pedro ante a pandemia de Covid-19.

Solenidade do Santíssimo Redentor: Desta forma fazemos memória a este título cristológico invocado em Veneza, na Itália, a partir do ano de 1575, quando a cidade foi assolada pela peste e dizimou cerca de um terço da população.
Por fim, em julho de 1577, a população celebrou o fim da epidemia e desde então, todo terceiro domingo de julho, celebra os devidos louvores ao Cristo Redentor.

SÚPLICA DIANTE DO SANTÍSSIMO REDENTOR EM TEMPOS DE PANDEMIA:

Verdadeiro Deus e verdadeiro homem, realmente sois o Santíssimo Redentor,
nós te adoramos.
Nosso Salvador, Deus conosco, fiel e rico de misericórdia,
nós te adoramos.
Rei e Senhor da criação e da história,
nós te adoramos.
Vencedor do pecado e da morte,
nós te adoramos.
Amigo do homem, ressuscitado e vivo à direita do Pai,
nós te adoramos.
Filho unigênito do Pai, descido do céu para nossa salvação,
nós acreditamos em ti, ó Senhor.
Médico celeste, que se inclina sobre nossa miséria,
nós acreditamos em ti, ó Senhor.
Cordeiro imolado, que se ofereceu para nos redimir do mal,
nós acreditamos em ti, ó Senhor.
Bom Pastor, que dá a vida pelo rebanho que amas,
nós acreditamos em ti, ó Senhor.
Pão vivo e remédio da imortalidade, que nos dá a Vida eterna,
nós acreditamos em ti, ó Senhor.
Do poder de Satanás e das seduções do mundo,
libertai-nos, ó Senhor.
Do orgulho e da presunção de poder prescindir de ti,
libertai-nos, ó Senhor.
Dos enganos, do medo e da angústia,
libertai-nos, ó Senhor.
Da incredulidade e do desespero,
libertai-nos, ó Senhor.
Da dureza do coração e da incapacidade de amar,
libertai-nos, ó Senhor.
De todos os males que afligem a humanidade,
salvai-nos, ó Senhor.
Da fome, da carestia e do egoísmo,
salvai-nos, ó Senhor.
Das doenças, das epidemias e do medo do irmão,
salvai-nos, ó Senhor.
Da loucura devastadora, dos interesses impiedosos e da violência,
salvai-nos, ó Senhor.
Dos enganos, da má informação e da manipulação das consciências,
salvai-nos, ó Senhor.
Olhai para tua Igreja, que atravessa o deserto,
consolai-nos, ó Senhor.
Olhai a humanidade, aterrorizada pelo medo e pela angústia,
consolai-nos, ó Senhor.
Olhai os doentes e agonizantes, oprimidos pela solidão,
consolai-nos, ó Senhor.
Olhai os médicos e trabalhadores da saúde, exaustos pela fadiga,
consolai-nos, ó Senhor.
Olhai os políticos e os administradores, que carregaram o peso das
escolhas,
consolai-nos, ó Senhor.
Na hora da provação e da perda,
dai-nos o teu Espírito, Senhor.
Na tentação e na fragilidade,
dai-nos o teu Espírito, Senhor.
No combate contra o mal e o pecado,
dai-nos o teu Espírito, Senhor.
Na busca do verdadeiro bem e da verdadeira alegria,
dai-nos o teu Espírito, Senhor.
Na decisão de permanecer em ti e na tua amizade,
dai-nos o teu Espírito, Senhor.
Se o pecado nos oprime,
abri-nos a esperança, Senhor.
Se o ódio nos fecha o coração,
abri-nos a esperança, Senhor.
Se a dor nos visita,
abri-nos a esperança, Senhor.
Se a indiferença nos aflige,
abri-nos a esperança, Senhor.
Se a morte nos aniquila,
abri-nos a esperança, Senhor.

Deixe o seu comentário





* campos obrigatórios.

Santuário Nossa Senhora do Perpétuo Socorro

Av. Afonso Pena, 377 - 79005-000 - Campo Grande - MS

contato@perpetuosocorroms.com.br

(67) 3384.2818 – (67) 3384.9969

AFIM

Av. Afonso Pena, 488 - Amambaí - Campo Grande - MS

assistenciasocial@afimcg.org.br

(67) 3211.6072 | 3211.6020 | 3211.6005

Facebook

X