Padre Rafael Vieira fala sobre Prêmios de Comunicação da CNBB

0

Ao criar os prêmios Margarida de Prata para o cinema, Microfone de Prata para o rádio, Clara de Assis para a televisão e Dom Helder Câmara para a imprensa, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) buscou estabelecer um diálogo com o mundo da comunicação, da cultura e da criação artística, e, ao mesmo tempo, reconhecer e valorizar o trabalho dos profissionais de comunicação.

A CNBB destaca também os valores impressos nas obras como testemunhos de um olhar atento ao que acontece na sociedade, através da denúncia de seus erros ou omissões, ou da afirmação de vivências que se tornam exemplos e modelos de atuação para a construção de um mundo melhor, mais solidário e fraterno. Os prêmios levam em conta também a valorização da dimensão espiritual do ser humano e sua capacidade de construir o bem, além da qualidade técnica e artística das obras. Também incentiva e propaga a difusão da produção no sentido de torná-la conhecida e amplamente consumida.

O JS bateu um papo com o assessor da Comissão Episcopal para a Comunicação da CNBB, padre Rafael Vieira. Ele falou que são esperados trabalhos que coloquem em relevo, de algum modo, os valores humanos e, principalmente, aqueles que estão presentes no Evangelho. Veja entrevista na íntegra.

 

http://www.a12.com/editora-santuario/noticias/detalhes/padre-rafael-vieira-fala-sobre-premios-de-comunicacao-da-cnbb

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here